top of page

"SIM, SOU DAQUI. PODEMOS CONVERSAR?"


Entre as muitas newsletters que recebo para realizar o meu trabalho hoje houve uma que me chamou a atenção pelo título "Sim, sou daqui. Podemos conversar?" de Navváb Aly Danso Académica, activista social, anti-racista, pan-africanista e influenciadora digital.

Até aqui tudo muito bem. Ao iniciar a leitura no quarto parágrafo. Comecei a ficar um pouco confuso com aquilo que ela queria transmitir, e depois até ao final confundi-me tanto que tive que reler o texto até perceber o que estava encriptado naquele código ASCII. O que ainda não percebi é o que ela quis transmitir, mas gostava de realçar alguns pontos? Primeiro não vejo nem nunca vi PORTUGAL como um país racista. Há racistas? Há! Somos tão racistas que há uns anos atrás em Lisboa em uma discussão acesa em um café de bairro, um senhor, caucasiano, de meia-idade acompanhado com os seus amigos, proferiu a frase "vai prá tua terra, e tá calado" para uma mesa atrás dele com pessoas negras africanas. Sim pessoas negras africanas, porque Portugal temos africanos brancos, não me deixou chocado porque os outros três senhores da mesa que conviviam com ele eram negros e apoiaram-no no que disse. Não chegaram a vias de facto porque o dono do café meteu-se pelo meio e apaziguou os ânimos. Portugal é tão racista que tenho um grande amigo branco que adora contar anedotas de "pretos, ou negros ou negros africanos" e com sotaque, não é para dar mais ênfase mas sim porque ele fala assim mesmo. Foi chamado á atenção por um dos elementos do convívio, chamando-lhe racista. Bom ele é Moçambicano nascido em Moçambique, casado como uma senhora africana negra, duas lindas filhas mulatas (cabritas). Portugal um país racista? Segundo aos olhos de Navváb Aly Danso, ou pelo menos foi isso que deduzi da sua confusa opinião, ao falar de Éder, por causa do golo em 2016, diz "Portugal é tanto vosso como nosso", fiquei com percepção que ela divide Portugal em vários sectores, os Europeus, os Africanos, e os Asiáticos. E aqui dentro subdivide em categorias de primeira e de segunda. Sente que os negros em Portugal são discriminados. Bom os Chineses em Portugal também, Os Indianos em Portugal também, os Ciganos em Portugal também, os Refúgiados também, os Mulçulmanos também e os Portugueses quando fugiram das ex-colónias em 1974 também, sabes Navváb Aly Danso aqueles que lhe apelidamos de "retornados". Portugal é tão racista, que uma vez numa loja da "TMN", ao pedir uma um cartão GSM a rapariga "luso-africana" em vez de me pedir a identificação passou directamente a uma frase que me deixou indignado, "preciso do seu BI de residente" ou a outra de RH de uma empresa com o meu BI AMARELO na mão perguntou-me se tinha autorização de trabalho. Para mim é tudo uma questão de educação, e estas duas Senhoras chumbaram na disciplina de história. Sabes Navváb Aly Danso, é da maneira como somos educados nos preconceitos. Preconceitos esses que nos leva a ser xenófobos, e dos quais trás várias gerações há ainda quem se aproveite desses preconceitos para criar guerras e quezílias onde não existe, mas somos nós que as fazemos nós os pretos os negros jovens, que fazemos da nossa ignorância uma arma de batalha, porque não queremos estudar, e queremos ser os coitadinhos da sociedade! Queres mais exemplos Navváb Aly Danso, vamos regressar há uns meses atrás aquele ataque em Cascais na Rua Direita á loja de um imigrante Paquistanês, vamos recuar há umas semanas atrás na Praia do Estoril, vamos voltar uns anos atrás ao acerto de contas em um concerto na Baía de Cascais, mais uns anos atrás ao arrastão na praia de Carcavelos. Navváb Aly Danso, Portugal um país de racistas? Nunca ouvi ninguém em Portugal dizer para deixarem de falar em crioulo porque estavam em Portugal como acontece, em Espanha, Inglaterra, França ou EUA. Nunca vi ninguém em Portugal a ser negado trabalhar pelo simples facto de que a tua morada ser de sector problemático como em França se faz ou se fez. Nunca vi ninguém em Portugal não deixar os seus filhos irem para o baloiço no parque infantil, porque está uma criança de outra cor ou credo lá como se faz nos USA. Navváb Aly Danso, como podes falar de sermos um país racista, se o nosso PM é Goes e a Ministra da defesa é Angolana já viste a cor da pele deles? As nossas forças especiais estão na República Centro Africana a defender as populações e Portugal tem a maior Mesquita da Europa e um dos maiores templos Hindus do planeta. Acho que escolheste mal o teu texto, e terminas dizendo “Tudo isto é tão grave, mas negros em Portugal lidam com isto dia e noite.” Porque não terminaste dizendo alguns de nós negros, os que não temos educação porque não queremos estudar e queremos violência e roubar porque se nos baterem é racismo, lidamos com isto noite e dia…

MJBG 2020-07-29

6 views0 comments

Comments